sábado, 19 de abril de 2008

Heroes - JOHNNY CASH & WAYLON JENNINGS


Side A
1 Folks Out on the Road (Myers, Raven) 2:47
2 I'm Never Gonna Roam Again (Crowell) 2:56
3 American by Birth (Wade) 2:33
4 Field of Diamonds (Cash, Routh) 2:37
5 Heroes (Emmons, Moman) 4:16
Side B
1 Even Cowgirls Get the Blues (Crowell) 3:03
2 Love Is the Way (Kristofferson) 2:31
3 Ballad of Forty Dollars (Hall) 3:11
4 I'll Always Love You (In My Own Crazy Way) (Miller, Seals, Setzer) 3:58
5 One Too Many Mornings (Dylan) 2:38

Edição em vinyl no ano de 1986 para Johnny Cash, aqui acompanhado por Waylon Jennings. Heroes é um album Country, como só podia ser, recheado de canções Americanas cantadas por duas vozes queridas, e inconfundíveis, do povo Americano. Quase todas as canções têm arranjos de cordas, e algumas até de sopros, trabalhadas pelo baixista Mike Leech. É um trabalho muito popular, feito para as pessoas que tem um sentimento Americano mais sofredor, há uma grande toada dramática imposta não só pela maneira de cantar de Cash mas tambem pela forte presença das cordas. A presença de Jennings acaba por ser um ponto de equilíbrio através do seu tom mais grave e esperançoso.
"Folks Out On The Road" é um agradecimento, e reconhecimento, aos fãs pela sua dedicação ao artista, é um bom tema, logo para começar, com bom fraseado de guitarra eléctrica. Em "I'm Never Gonna Roam Again" há Bandolim sustentado pelas cordas, bonito tema. "American By Birth" revela o patriotismo e o orgulho de ser Sulista.
No lado B, "Even Cowgirls Get The Blues" é um tema dançável, à boa maneira dos Cowboys, tal como o é "The Ballad Of Forty Dollars", que não é uma balada no sentido rítmico, é até bastante mexido e neste tema andam sopros e guitarras à solta, foi tambem o que gostei mais. Nestes temas não há arranjos de cordas coincidindo assim com o facto de serem os temas mais alegres do album. "I'll Always Love You" é uma bonita balada ao estilo Memphis e gostava de ter ouvido Elvis Presley interpretar este tema, que bem que soaria certamente. A terminar um tema de Bob Dylan, "One Too Many Mornings".
É um género definitivamente mais para apreciadores. O som, as vozes, o ritmo e as paisagens são únicas,e não são para todos.

1 comentário:

André disse...

Tenho um vinil dele vc tem idéia de qual o valor do mesmo. Por favor retornar mensagem no meu e-mail: lucass-01@hotmail.com
realmente o som é muito bom