quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Terra Prometida - LENA D'ÁGUA


Lado A
1 Tudo Bem 5:06
2 Estou Contigo 4:07
3 Beco 5:11
4 Tão 5:36
Lado B
1 Dou-te Um Doce 3:12
2 Dança Comigo 4:39
3 Valsa Nova 4:13
4 Ulisseia 4:48
5 Terra Prometida 4:59

Para trás ficou a Banda Atlântida, depois de dois albuns, permanecendo a colaboração com Luís Pedro Fonseca como compositor, músico, e produtor a par de Robin Geoffrey Cable. Terra Prometida, Lp editado em 1986, mostra-se como um trabalho criado em estúdio numa forma mais elaborada, as caixas de ritmos e os sintetizadores marcam aqui uma presença fundamental à semelhança de qualquer outro trabalho da época. Lena D'Água é-nos introduzida de uma forma mais amadurecida e se no trabalho anterior a Pop Europeia era mais evidente aqui sente-se mais a influência do trabalho de produçao Norte-Americano do qual "Tudo Bem", tema de abertura do album, é o melhor exemplo.
O album viaja por diversos momentos, ou estilos, todos eles criados com bom gosto como a beleza Pop de "Estou Contigo", o exotismo Oriental muito bem captado em "Tão" ou o drama intenso de "Beco". Nao deixo aqui de pensar que "Beco" teria sido um belo tema para a voz de Adelaide Ferreira. Lena D'Água emprega-lhe mais doçura mas o tema em si pede mais dramatismo de interpretação, a interpretação de Lena não deixa no entanto de ser belíssima. Segue-se "Dou-te Um Doce", o êxito da altura, um single de Verão com boa disposiçao e ambiente tropical quanto baste, para vender obviamente. "Dança Comigo" é o meu momento preferido, tem bom balanço, bastante ritmado, e uma Guitarra quase Funky. Os três temas finais estão mais dentro do nosso estilo, se bem que "Valsa Nova" ainda passa um bocado despercebido mas já se nota mais o estilo de produçao nacional. "Ulisseia" é um instrumental com vibrações de gloria e "Terra Prometida" encerra em jeito espiritual, bastante angélico (uns anos mais tarde e diriamos estar a copiar Julee Cruise em Twin Peaks).
Num album povoado de tecnologia os musicos escasseiam, Luís Oliveira é o Guitarrista de serviço, Carlos Araujo é o Baixista, Guilherme Inês toca Bateria em "Valsa Nova" e "Ulisseia", as restantes são programadas por ele. Tó Leal, antigo companheiro de Lena D'Água noutras aventuras musicais, participa nos coros. Luís Pedro Fonseca ocupa-se do resto.
Terra Prometida tem tudo para ser um bom album mas "peca" por estar elaborado de uma forma pouco habitual entre nós e com falta de exposição fora de portas. Fica como mais um bom trabalho de Luís Pedro Fonseca com Lena D'Água, e Lena a provar mais uma vez ter uma nossas vozes mais cristalina, mais doce e mais pura.

Sem comentários: